Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Cadastro Único Bolsa Família: Inscrição, Telefone

Conheça o cadastro único Bolsa Família e veja como é fácil para fazê-lo.

Já ouvi falar sobre o cadastro único Bolsa Família? Se você possui baixa renda e tem a possibilidade de se enquadrar nos programas governamentais destinados às famílias de baixa renda, então precisa conhecê-lo.

Fique com a gente até o final deste artigo e saiba exatamente o que é o cadastro único e como ele pode facilitar para que você consiga ser beneficiário de um dos programas sociais do governo.

Quem fez inscrição no Cadastro Único já tem direito ao Bolsa Família?

Estar inscrito no Cadastro Único para ter o Bolsa Família é essencial, entretanto ele não é garantia de que o benefício será concedido para todas as famílias que fazem parte do cadastro.

Isso porque, o cadastro único é a principal uma ferramenta que os órgãos governamentais possuem para conseguir identificar as pessoas que podem fazer parte dos Programas.

Vale ressaltar que quem não estiver inscrito e com as informações atualizadas no Cadastro Único não consegue o Bolsa Família, ou se beneficiar de qualquer outro Programa Social, seja ele oferecido pelo governo federal, estadual ou municipal.

Cadastro Único Bolsa Família: O que é, documentos cadastro

O cadastro único bolsa família nada mais é do que as informações de famílias que estejam em situação de pobreza ou extrema pobreza. Este cadastro é utilizado pelos órgaõs governamentais para a inclusão de famílias em Programas Sociais.

As famílias que podem ter o cadastro único são aquelas que possuem renda de até meio salário mínimo por pessoa que compõe a família ou que ganhem até 3 salários mínimos de renda mensal total.

As famílias que não estão cadastradas devem procurar o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do seu município e solicitar a inclusão no cadastro.

Para isso a família deverá ter uma pessoa responsável, que será contatada sempre que necessário. Para isso é imprescindível que esta pessoa seja parte da família, more na mesma casa e tenha no mínimo 16 anos. Será necessário apresentar CPF ou título de eleitor.

Será necessário ainda apresentar documentos de todos os membros da família. Pode ser um dos seguintes: certidão de nascimento, certidão de casamento, CPF, RG, carteira de trabalho, título de eleitor, certidão administrativa de nascimento indígena.

É imprescindível que o cadastro único da família seja mantido sempre atualizado. Sendo que a atualização a cada dois anos é obrigatória. Sem o cadastro atualizado, o benefício não é concedido.

Vale lembrar que o Ministério de Desenvolvimento Social faz averiguações periódicas nas residencias e ainda o cruzamento de dados entre diferentes bancos de dados.

cadastro único bolsa família

O que é Cadastro Único Bolsa Família

O Cadastro Único foi criado em 2003 e é uma ferramenta que unifica o cadastro de famílias de baixa renda que são elegíveis para serem beneficiários dos Programas Sociais do Governo Federal.

Através do Cadastro Único o governo federal passa a conhecer melhor como é a realidade socieconômica da população brasileira. Sendo o principal instrumento para que o Governo Federal selecione a inclusão de famílias em diversos programas sociais.

O cadastro único também é utilizado para a seleção de beneficiários a programas oferecidos pelos estados e municípios.

Cadastro Único Bolsa Família telefone

O cadastro único bolsa família deve ser realizado pessoalmente. Entretanto, para o caso de dúvidas é possível entrar em contato através de diferentes telefones:

  • Ministério de Desenvolvimento Social: 0800 707 2003
  • Atendimento Caixa Econômica Federal: 0800 726 0207
  • Atendimento aos Gestores do Programa: 0800 573 0104
  • Suporte do sistema do cadastro único: (61) 3315-9015

Cadastro Único Bolsa Família pela internet

Para quem preferir e tiver acesso à internet, pode consultar todas as informações do cadastro único bolsa família através do site do Ministério de Desenvolvimento Social (MDS), na parte destinada ao Bolsa Família.

Ou então, também dentro do site do MDS, há uma parte destinada a esclarecer dúvidas a respeito do cadastro único.

Através destes dois endereços eletrônicos você terá acesso à todas as informações que precisa para efetuar o cadastro e fazer parte do cadastro único.

Quais os programas que podem participar quem tem Cadastro Único

Confira a seguir a lista completo de todos os Programas Sociais oferecidos pelos Governo Federal que as famílias cadastradas no Cadastro Único podem se beneficiar:

  • Programa Bolsa Família;
  • Tarifa Social de Energia Elétrica;
  • Programa Minha Casa Minha Vida;
  • Programa da Bolsa Verde;
  • Serviços Assistenciais;
  • Programa Brasil Alfabetizado;
  • Carteira do Idoso;
  • Aposentadoria para pessoas de baixa renda;
  • Água para Todos;
  • Programa Nacional de Reforma Agrária;
  • Benefício de Prestação Continuada;
  • Telefone Popular;
  • Isenção de Pagamento de Taxa de Inscrição em Concurso Público;
  • Programa Cisternas;
  • Bolsa Estiagem;
  • Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais/ Assistência Técnica e Extensão Rural;
  • Programa Nacional de Crédito Fundiário;
  • Crédito Instalação;
  • Carta Social;
  • Programa Erradicação do Trabalho Infantil;
  • Identidade Jovem
  • ENEM]

Consulta ao cadastro Único através do consulta cidadão

Com a informatização dos programas sociais do governo, agora é possível fazer várias consultas sem sair de casa, na palma da mão através de aplicativos.

E a consulta cidadão do CadUnico é algo tão simples e fácil de se fazer.

Primeiro basta acessar a pagina de aplicações do Cadastro Único, fizemos um tutorial aqui no site, onde vai poder ver num passo a passo.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *